sábado, 7 de junho de 2008

AMIGAS

Estava falando pra minha filha que por meio do orkut e suas comunidades encontrei mais uma amiga de infância e adolescencia.
Aí ela me disse uma frase que não sei como definir.

"Que legal mãe as amigas da sua época continuam amigas até hoje"

Feliz - por saber que a amizade quando é cultivada com carinho sobrevive com o passar dos anos.
Espanto - por achar que a distância e o tempo não apagaram as boas lembranças.

Triste - porque hoje a amizade não tem mais valor, ninguém mais rega sua plantinha da amizade, esperando que ela sobreviva as intempéries. Amigos para sempre é só o nome de uma música, hoje os amigos são efemeros, como a vida de uma borboleta. Passam pelas nossas vidas e não levam nem deixam nada para recordar.

Mas eu sou privilegiada esta semana reencontrei duas amigas;

Hildinha que era um doce de menina e continua uma doce mulher.
Marli que tem um belo sorriso e continua com jeito de menina.

Depois da surpresa do encontro, podemos lembrar e talvez até voltar no tempo.
Sentir o sabor do sanduiche de pate que a Dª Hilda fazia pras festinhas da tiurma.
O sonho que a mãe da Marli fazia, que não esqueço até hoje.
E tantas outras pessoas que espero podermos encontrar vão permanecer para sempre, porque somos especiais.

Um comentário:

Marli disse...

Oi amiga, que bom poder tê-la por perto novamente, adorei "AMIGAS"

Fiquei surpresa por voce se lembrar de minha mãe e de seus Sonhos açucarados.

Um forte abraço.