sexta-feira, 10 de julho de 2009

Polenta


A origem da maioria dos pratos tende a ser uma certa incógnita, mas podemos afirmar com razoável margem de segurança que a POLENTA passou a ser consumida em quase todos os países, ganhando características próprias em cada um deles. Registros indicam que os romanos teriam sido os primeiros a consumir a polenta, então feita com grãos de farro(uma espécie de trigo) esmagados e cozidos em água. A região norte da Itália figura como sendo o berço da polenta e, nos tempos antigos, era a base alimentar e o prato mais consumido pela população local e pelos legionários romanos. Inicialmente era feita de ervas ou de grãos de farro(uma espécie de trigo) esmagados e, posteriormente, passou a ser feita de farinha de trigo. Esses ingredientes eram cozidos na água, resultando a polenta daquela longínqua época, a qual era temperada com queijos, carnes e molhos. Somente a partir de 1492 com a descoberta da América por Cristovão Colombo, é que a polenta passou a ser feita de farinha de milho, quando este cereal foi introduzido na Itália e passou a ser cultivado com êxito na região norte favorecido pelas chuvas abundantes.
Hoje ja temos os flocos pré cozidos de milho que facilitam nossa vida na cozinha.
E foi assim que preparei esta polenta.
Só acrescentei uns pedacinhos de linguiça picada, um dente de alho bem amassado e juntei a água e os flocos de milho.
Preparei um molho a bolonhesa e estava pronto nosso almoço.
Não costumo colocar o molho todo sobre a polenta, porque se sobrar, levo a geladeira e no dia seguinte corto em cubos e frito. Essa é a melhor forma de se comer a polenta.

7 comentários:

netuno artes disse...

Polenta, vinho tinto seco, arroz branco e um bife para acompanhar, não precisa de mais nada, ahá esqueci do zeite e da pimenta, rsrsrsr,
abçs netunianos

©tossan disse...

Assim do jeitinho que está na foto, um queijo ralado...Huuuummm!!!!! Gostoso demais um dos meu favoritos com um bom tinto seco. Mas por favor sem linguiça e no dia seguinte se sobrar sirva-me do jeito que está sem frituras! Beijo

Humana disse...

Mais uma ideia simples e concerteza saborosa que vou experimentar.
Adoro farinha de milho e em Angola faziamos o que referes de cortar em cubos e fritar mas era com a farinha de milho branca.A branca, aqui em Portugal é dificil de encontrar.Só mesmo em lojas que vendem produtos africanos.
Um beijo grande e resto de bom domingo.

Anônimo disse...

Olá! Tudo bem com vc?
Polenta vai bem com qualquer acompanhamento. Frita é um ótimo aperitivo ou tira gosto.
Uma ótima semana para vc!
Bjs!!!
Márcia

O Árabe disse...

Delícia, amiga... pela foto, bem dá pra ver! :) Boa semana.

Phaty disse...

Aqui em casa a polenta frita tem que ser de montão...rs
bjs

netuno artes disse...

Manda a polenta pelo sedex 10, rsrsrs para mim,
bjs netunianos

ps.: tem de chegar até às 10 hs do dia seguinte, aí já nem janto e nem tomo café da manhã, rsrsrsrs